Planejamento 2021

Amig@s, desde que voltei ao batente, na semana passada, tenho estado debruçado sobre o planejamento das atividades da Promotoria da Infância e Juventude de Mossoró (área protetiva) para o ano de 2021.


Apesar do ímpeto natural que nos acomete de querer começar logo a "colocar a mão na massa" (leia-se: gerar números), cada vez mais tenho visto a importância de planejar ações antes de agir, como forma de distribuir os recursos materiais de que dispomos, a nossa energia e os nossos próprios sonhos ao longo do ano.


Este é o 3º ano em que faço o planejamento e sempre tento aperfeiçoar um ponto ou outro do planejamento do ano anterior. Em 2021, procurei quantificar melhor os objetivos e ações (atividades), inclusive, criando campo para saber se, ao final do ano, o propósito inicialmente buscado foi atingido ou não.


São 14 projetos que vão desde temas delicados como a violência contra a criança à acolhida à mulher que manifesta o interesse em entregar sua criança em adoção; do fortalecimento do conselho dos direitos e do fundo da infância e adolescência (FIA) à luta pela implementação do acolhimento familiar na cidade; da efetivação de programas